Cinema com Açúcar – Meia Noite em Paris + Bolo fácil

Como eu disse no Facebook essa semana, eu amo o Woody Allen. E muito. Acho que tudo começou há muitos e muitos anos atrás quando, numa tarde ociosa, comecei a assistir Todos Dizem Eu te Amo na tv. Foi amor a primeira assistida, e depois disso assisti grande parte dos seus 47 filmes, muitos estando entre meus preferidos. Tem alguma coisa sobre ele que eu entendo, e não só isso, me identifico. É aquele jeito de falar sem parar e em círculos, que no final faz sentido. Com todo esse amor, é claro que quando saiu o novo Meia Noite em Paris, fui correndo ver.

O filme conta de uma família, viajando a Paris a negócios, e junto vai o noivo da filha, um escritor frustrado. Interpretado por Owen Wilson, Gil Pender escreve roteiros para Hollywood, mas está se aventurando no mundo da literatura. O personagem é um romântico, completamente apaixonado por Paris. Sobre a escolha do ator, devo dizer que fui com um pé atrás. Filmes com o Owen Wilson geralmente significam pra mim não conseguir parar de olhar pra aquele nariz impossívelmente torto e o biquinho que ele faz o tempo todo! Mas depois de assistir, devo dizer que fez muito sentido! Ele e o Woody Allen combinam, duas metralhadoras de palavras.

Gil Pender começa a fazer passeios a meia-noite, para curtir a cidade e quando vê ele é transportado para outra época. É o tipo de filme difícil de falar sobre sem entregar muito da história e estragar tudo! Mas basta saber que se você já parou e pensou que nasceu na época errada vai se identificar muito.

O filme conta com Carla Bruni, e uma interpretação digamos um pouco sofrível. Mas ela não é a única estrela, sendo um filme de Woody Allen você passa o filme todo reconhecendo famosos. O filme é daqueles que você sai mais leve, como se alguém tivesse pego um pensamento seu e transformado em realidade. A trilha sonora é uma delícia, e o figurino maravilhoso! E não vou nem comentar sobre Paris, né! Minha cunhada, que voltou faz pouco tempo, estava todo emocionada!

Bom, sendo um Cinema Com Açúcar, vamos misturar os assuntos! Desde que comecei esse blog, muitas pessoas vêm me falar o quanto eles acham legal pois o máximo que conseguem fazer é bolo de caixinha. Venho, então, dizer que isso não é problema! Assim como o filme, que junta passado e presente, vamos juntar a modernidade do bolo de caixinha com o romantismo de preparar um bolo pensando em alguém!

O almoço da semana da minha família ia ser aqui em casa, então obviamente a responsável pela sobremesa era eu e estava fazendo um bolo de Nutella. Mas mas como tem gente que não gosta de chocolate (???), então resolvi fazer um apropriado!

Bolo de Morango e Blueberry

1 bolo de caixinha de baunilha

1 caixa de morangos

1 caixinha de blueberries

350g creme de leite (gordo, por favor)

açúcar de confeiteiro

Eu aproveitei que minha tia veio do Peru com uma nova leva de Betty Crockers, e peguei a caixa de bolo dela.

Siga as instruções na caixa e sem erro ficará bom! Separe em duas formas redondas e mande pro forno.

Tire do forno e deixe esfriar bem. Quando já frios, corte a barriguinha sobrando para nivelar. E agora vamos começar a customização! Passe uma geléia na parte de baixo, de preferência uma um pouco mais azedinha. Eu usei a geléia de amora da minha vó, que pra mim é a melhor do mundo!

Depois disso faça o recheio. Numa tigela bata o creme de leite e o açúcar de confeiteiro. Agora é uma coisa de gosto, e você pode ir pondo até que esteja doce na medida que você gosta. Para isso você vai ter que ir experimentando. Chato, né? Corte os morangos em pedacinho, junte com as blueberries e com metade do chantilly. Guarde um tanto das frutas pra depois, de preferencia as mais bonitas!

Coloque na primeira metade do bolo e espalhe até as beiradas. Coloque a segunda parte por cima. Com o resto de chantilly que sobrou, cubra o bolo.

Depois disso é só enfeitar com as frutas! E pronto! Vai parecer que deu um trabalhão, quando na verdade é um bolo de caixinha fantasiado!

É claro, fale que foram horas de cozinha, assim, pra fazer moral!

Anúncios

5 Comentários

Arquivado em Cinema com Açúcar, dicas, passo a passo, receita

5 Respostas para “Cinema com Açúcar – Meia Noite em Paris + Bolo fácil

  1. Fernanda

    Bolo Fácil??? Fácil de comer, né? ;-))))
    Não sou muito fã de W.A. não… acho ele complicado e chato, mas sempre assisto os filmes dele. Valeu a dica.
    Saudades de vc! Bjs, Fer

  2. Super post! Adorei!
    BJôs da Mamma.

  3. Jéssica

    Marina, o bolo estava delicioso (EU, a cunhada estranha que não gosta de chocolate, re-pe-ti, pessoal!), a cia no cinema foi ótima (tb amei o filme e amo o woody allen), o jantar foi super divertido, seus conselhos no carro me fizeram muito bem, esse post me deixou muito feliz… e sua ida pra NY está se tornando cada dia mais triste!!!! vcs sabem me fazer feliz, mas também gostam de me fazer sofrer!!!!! beijos

  4. Marina, que blog apetitoso! E não só pelas gostosuras (que talento na cozinha, hein?), mas pelas fotos, gostosos relatos e indicações de filmes! Achei demais a união entre receitas e boas histórias!

    Um beijo e obrigada pela visita! Volte sempre! Tbm virei aqui muitas vezes.

    Ma Stump

  5. Oi! Nossa estou encantada com suas receitas… quero fazer todas (ai meu Deus e minha balança rsrs) mas fiquei com uma duvida…. você só bateu o creme de leite com o açucar ou fez o chantilly mesmo, botando no freezer, esperando pra bater e tudo mais?
    Eu posso usar aquele chantilly que ja vem pronto?
    PS: Seu blog é meu novo vicio… =)
    Parabéns por facilitar a vida de marinheiras de primeira viagem na cozinha como eu.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s